Topo
Blog do Bolívia

Blog do Bolívia

Categorias

Histórico

Até que prove o contrário, o VAR no Brasil é uma ilusão

Bolívia

06/10/2019 20h15

Minha primeira opinião sobre o VAR é polêmica: futebol não é tênis. Telão pra ver onde a bolinha pegou. Silêncio e palminha no ponto. Duas pessoas separadas por uma rede. É uma pá de gente se trombando o tempo todo que gera milhões de situações únicas. Sempre vai ter interpretações diferentes. E, se quiser, também dá pra se manipular as decisões. O VAR no Brasil é uma ilusão.

Posso e quero estar errado, mas não creio que um dia ele vá funcionar como na Premier League, por exemplo. Sabe por quê? Porque estamos no Brasil. E não é só capacitação que falta. É transparência e honestidade nas atitudes, em todos os níveis e setores da nossa sociedade.
Já a sequência da opinião é mais consensual: o VAR no Brasil é cobertor curto – quando resolve um problema, arruma outro. Quando pega um impedimento certo, caça um pênalti inexistente. Se o problema for as pessoas, então não há tecnologia que suporte.
Em questão de dias, o VAR foi acusado de prejudicar o Flamengo e depois ajudar. Dizem que a tecnologia não mente, mas aqui ela confunde. O Gabigol estava impedido contra o Grêmio?  O Bruno Henrique estava impedido contra a Chape? Tem gente que acha que sim e gente que garante que não. E não é só por clubismo. As imagens são pixeladas e indefinidas, as linhas são contestadas e os milímetros apontados pelo software não ficam claros e evidentes.
E o pênalti do Felipe Melo contra o Galo? Não foi igual à falta marcada do Gabigol no Kannemann? E o pênalti ridículo que deram pro Cruzeiro contra o Inter? Ou seja, os erros continuam. A polêmica continua. O mimimi continua. As acusações de roubo e favorecimento de time A ou B continuam.
A ideia de deixar o jogo mais justo é muita justa. A tentativa é válida. Mas quando isso não acontece na prática, questionar novas regras não é um ato de nostalgia. Serei um entusiasta do VAR no dia que a tecnologia divulgar imagens de impedimento indiscutíveis, não chamar a atenção para pênaltis inventados, for utilizada apenas quando for necessário e a partida não ficar tanto tempo parada. Ah, e quando a gente discutir mais sobre o jogo do que sobre o VAR. Será que esse dia vai chegar?

Sobre o Autor

Jornalista de formação, amante do futebol por paixão e corneteiro por vocação. Apresentador do canal Desimpedidos. Comanda o Bolívia Talk Show.

Sobre o Blog

As opiniões do personagem não refletem necessariamente a opinião do homem por trás da máscara. Mas quase sempre sim.

Mais Blog do Bolívia